Minha lista de blogs

17/12/2010

Canto noturno

"É noite. Mais alto falam agora todas as fontes que jorram. E minha alma também é uma fonte que jorra.
É noite. Agora despertam todas as canções dos amantes. E minha alma também é uma canção de um homem que ama.
Há qualquer coisa em mim de insaciado, de insaciável e que quer elevar a voz. Há em mim um desejo de amor que fala a linguagem do amor ..."

(Nietzsche - Assim falava zaratrusta)

01/12/2010

.

" Meu coração onde arde meu verão, o breve, o tórrido, o melancólico verão que transborda de felicidade. Como anela por tua frescura meu coração estivo! "

(Nietzche- assim falava zaratustra)

03/11/2010

A primeira vez que te vi - Parte II

Naquele momento, era como se o mundo tivesse morrido e só tivesse restado nós dois e a natureza que nos envolvia.
Derrepente toda a distância que existia entre nós sumiu sem que eu percebesse, e eu me deparei a centimetros da sua face. Seu olhar ainda perdido nos meus, nossa respiração desequilibrada, cançada, puxando todo ar que coubesse no pulmão.
Foi ai que eu senti um toque leve em meu rosto, sua mao macia deslisou por minha face fria, me fazendo expelir calor aonde recebia seu toque.
Naquele momento nossos olhares se despediram com um abraçar de cilios, minha respiração ja não me obedecia e eu não sabia se não conseguia acompanha-la ou se tinha deixado de tê-la.
Estava totalmente sem dominio de mim, me via guiada por um misto de sensações, das quais eu não saberia traduzir.

Meus braços o envolviam com tanta urgencia como se o mundo inteiro tivesse doente e ele fosse a cura. Naquele momento, era como se mais nada precisasse ser dito, porque nossos corpos haviam descoberto a linguagem universal.
Eu o sentia! e não é como se eu estivesse o tocando, era como se eu fosse ele, como se ele fosse eu..
Estava imersa em pensamentos, perdida na aurora dos desejos quando derrepenti fui interrompida por uma nova sensação, foi como se o universo tivesse nos sugado e nos jogado no âmago do mundo, em um lugar onde nascem os sonhos, onde o amor é fecundado e os segredos enterrados. Estavamos no topo do universo, onde tudo nasce e tudo adormece, chegamos ao limite da razão.
E num palpitar da mente e um piscar de cilios, eu o vi atravessar a rua.
Essa foi a primeira vez que eu o vi.

A primeira vez que eu te vi - Parte I

Então ele me perguntou :
- Em que está pensando agora?
e eu , contudo, não sabia o que dizer..
(pensava em tudo, em nada)
É como se minha mente vagasse vazia sob o espaço, afim de encontrar uma fonte onde ela possa se enxer.
As vezes é dificil saber o que eu penso, é como se a razão se escondesse de mim e tudo sempre fica tão bagunçado.

Ele continuou me olhando, os olhos confusos, clamando por uma resposta, meio ocioso.
Eu permaneci calada, fitando-o angustiada, existia tanta coisa engasgada na minha garganta querendo saltar pra fora,
a vontade era falar,falar,falar, mas nada saía.
As vezes queria que minha boca acompanhasse o ritmo dos meus pensamentos, porque eu sinto tudo num segundo e quando penso já não sei de mais nada.

Eu permaneci calada, ainda.
E agora o seu olhar me fusilava, mas nao sei se era por medo ou impaciencia.
Ele me fitava afundo, como se procurasse ler o que não consiguia dizer, seus olhos penetraram meu ser, entraram pelas minhas pupilas rasgando minhas entranhas, percorrendo no meu interior, querendo me entender. Ele me explorava procurando respostas, mas eu não as tinha.
Estavamos parados, sem nos mechermos siquer um centimetro, seu olhar estava fixo no meu, como se seu corpo tivesse sido deixado pra trás e a alma tivesse entrado em mim.
Eu conseguia sentir sua alma perdida nos labirintos da minh'alma, se debatendo contra as paredes do meu coração. Eu sentia sua aflição, mas mais que isso, eu sentia ainda mais o seu desejo, como se quizesse me engolir e me ter dentro dele, para que aos poucos pudesse me vomitar e estudar minuciosamente. Para ele, parecia que eu era um mistério a ser desvendado.



( Continua )

01/11/2010

que vontade de viver tudo aquilo que me anceias o peito

Por puro prazer

As vezes me vem um cheiro que é seu
e me angustias o peito,
pois te quero, agora...
Então vem, assim, com sua forma ingenua
de homem com pecados e aparencia de anjo.

Desejo-te com intensidade de vulcão,
percorre-me com toda a sua força,
me desfaleça, me faça cair aos seus pés.
Não me conformo em não te ter na minha pele,
anciando minhas intimas caricias,
anciando o que é seu por direito,
anciando o que é meu por desleito,
não, não me conformo.

E o cheio vem, novamente
me atordoando a memoria
e eu te pesso vem, vem denovo
contornando-me em desejos indiscretos
diz ao pé do meu ouvido aquelas palavras
tão suas..

Faz minha as suas palavras
faz de mim suas palavras
me ponha em palavras
me rediga, me interprete, me atoe, me seja
agora, por favor!
meu corpo te pede que escreva-o em beijos
como não diz no roteiro,
sem regras, apenas por prazer.

25/10/2010

Olá leitor,
ando sumida, eu sei! Quero de já antecipar minhas sinceras desculpas, a você que me lê.
A vida não anda tão corrida, no fim das contas. O que tem andado corrido mesmo são meus pensamentos, tão rapido a ponto de eu nem conseguir captalos, talvez por isso o sumisso, ou o motivo seja mesmo preguiça. Quem sabe os dois, ou mais alguns fatos. Que seja..
A verdade é que estou muito animada com a chuva que está caindo nesse exato momento,
não sei explicar o intimismo que tenho com chuvas, mas elas realmente me são atraentes.
O cheiro, a sonoridade, o tato, o clima.. tudo me envolve nesse universo chuvoso.

01/09/2010

sad eyes



As vezes um olhar diz mais que qualquer palavra

Depois de retirar a armadura

olá leitor,
hoje estou sentindo ressaca de choro.
Exaustão existencial. Pareço ter levado uma surra na cara.
Queria alguns dias de sono, talvez dez ou quinze.
Acordei, mas queria não ter o feito, gostaria de prolongar o bom uso da minha inconsciencia.
Alguém, por favor me dê um trago de xilocaina,
algum drinque de insconsciente,
seringas alcolicas, que seja.
Preciso parar de existir por algum tempo, ficar alheia de mim.
Não gosto desses dias abatidos, eles sempre parecem cutucar feridas,
espécie de maniaco destrutivo compulsivo,
Problemas, problemas,
quem está à salvo deles?

31/08/2010

..

Ainda te lembras, coração ardente, lembra de como costumava sentir sede?

30/08/2010

.

Quem saberá a cura do meu coração, se não eu ?

26/08/2010

Amoras silvestres

"Não quero ser triste como o poeta que envelhece
lendo Maiakóvski na loja de conveniência,
Não quero ser alegre como o cão que sai a passear
com o seu dono alegre sob o sol de domingo,
Nem quero ser estanque
como quem constrói estradas e não anda
Quero no escuro como um cego tatear estrelas distraídas
Amoras silvestres no passeio publico
Amores secretos debaixo dos guarda-chuvas
Tempestades que não param, pára-raios quem não tem
Mesmo que não venha o trem não posso parar ..."

(Zeca Baleiro - Minha casa)


12/08/2010

Meu eu, seu.

Existe tanto o que quero fazer num tempo de 36 horas,
te tocar, te sentir, te sorrir, te ser
andar ao teu lado,andar dentro de ti
mostrar ao mundo que tu me es.
Te mostrar as que sou,
conhecer os que ti são,
e eu me perco, as vezes ando contramão
deixo passar despercebido desejos cotidianos,
e eu sedenta, queria mais de ti,
não somente horas,
queria sua vida toda aos meus pés.
Me vejo aflita perdida num cronometro amoroso
onde eu tenho que fazer a vida acontecer em algumas horas destinadas,
isso me aflinge por demasia,
pois o quero com tudo que tenho.
Você é um mistério ao qual meu corpo se delicia em desvendar,
uma estrada redeada de entrecaminhos a qual me faz querer multiplicar-me e correr para todas ao mesmo tempo,
eu preciso de te ser,
preciso que te me sejas,
não somente um dia, não somente em algumas manhas,
eu sua, você meu, todo o tempo
é assim que minha'lma diz que deveria ser,
pois há em ti caminhos que meus pés não alcançam
há em ti estradas que desejo jogar meu corpo
esfregar minha pele nas tuas pedras
arranhar-me em ti, rasgar-me nas tuas ousadias
sentir meu sangue escorrendo no teu corpo
te sentir em dor, em risos e piadas
te sentir a cada palpitar do coração meu que é teu.

consuma-me

Meu, meu, você é meu
então diz que eu sou sua
em forma e cintura ossea
diga-me que sou sua até que tudo seja nada
e tudo, e nada, e os outros e as cinfonias
que nada importe
apenas deixe que eu te seja
eu nua, eu sua, eu em você
totalmente entregue, arrancando as armaduras
arrancando a pele, arrancando os desejos
arranque tudo que há em mim
me arranque de mim
me tire do circuito existencial
retira meu corpo, retira minha alma
leve tudo pra ti,
sem rodeios, apenas cosuma-me.

09/08/2010

poeta falido

Eu sofro agonias de mim mesma
eu, alheia à tudo
habitando no inabitável
nada consigo ser, exceto poeta falido.
Não me agarro em grandes questões,
apenas a única que me sufoca o peito:
o conflito do eu x eu.
E eu me debato contra as muitas que há em mim,
descasco feridas em versos,
espécie de sadomasoquista da linguagem
digo coisas que não ousaria dizer se pudesse ficar calada.
Eu, prostituda das palavras
costumo me vender por alguns trocadilhos
apenas pelo doce sabor do gozo oral

08/08/2010

superficie

Eu, flôr de lotus
nascida no lodo de minha'lma,
desabrocho ante à ti, homem meu
Poisando em teus reflexos todos os meus contornos de mulher.
Debruça teu corpo no meu, num gesto urgente de desejo
funde à mim o teu suco matinal,
gosto quente de tua libido.

05/08/2010

vem

Vem...
Cai em mim com toda sua volupia
Me faça ter medo de não viver
Vem assim, de mancinho...
Derrama sua quentura nos meus tecidos
E sussura baixinho, desejos indiscretos...

04/08/2010

tudo que sou

Aqui estou, parada ante tudo e todos, sem nada à dizer.
Nada mudou de uns tempos pra cá,
nem mesmo a habitual pergunta de se ser.
19 anos se passaram e tudo que estes anos me acarretaram foram indagações e esse gosto amargo na boca.
Nada sei, nem mesmo o que sou.
Espécie de anjo decaído, andante sem caminho.
É isso que me soma no fim do dia.
Não o quero, mas não consigo deixar de o ser,
Mesmo não sendo nada, isso é tudo que me restou,
a face oculta do que sou, inspirada em um joão ninguém.

quisera eu

A tarde morreu calma, nem á vi passar
Enquanto me vi perdida em ti
os carros encontraram seu destino.

Garagens fechadas,
Portas trancadas,
A noite agora chega...

Não sei onde estarei daqui à madrugada
quisera eu, em tua saliva,
perdida nos abraços de teus braços

Recordando em mim, o sabor teu...

01/08/2010

Se

Se eu pudesse de uma só vez poder dizer tudo que meu peito grita,
haveria uma nua canção,
de pele opaca e sorriso morno.
Se eu pudesse em uma palavra resumir o ardor da chama em mim,
talvez você sentisse queimar ao ouvir minha voz.
Se seu ouvido fosse capaz de distinguir o paladrar de minhas palavras
talvez eu não precisasse dizer nada.
E se por fim seus olhos pudessem enchergar o que os olhos não veem
você entenderia a voz daquele toque.

Detalhes


Eu me perderia nesse momento pra sempre...

17/07/2010

penso, logo não sou

Não se pode compreender a complexidade de se ser,
pois mesmo sendo, nunca se é por muito tempo, tampouco pra sempre.
O ser humano nunca nasceu sendo, ele tornou-se conforme o tempo,
e com tempo ele vai tornando-se ainda mais.
No fim, não nos tornamos nada, porque nunca o fomos.
Somos apenas experimento de gente, nenhuma exatidão nos é.
E quanto mais penso no que fui, percebo que o que sou está longe do que serei.

narcissist





De todas mil maneiras que eu posso ser,
estou certa que uma delas vai te agradar.

Eu guardo um diário de memorias




Dica musical do dia: Velvet Revolver - Fall to pieces

13/07/2010

Entre tantas

Entre tantas que sou: não consigo ser nenhuma delas.
Entre as que fui e as que quis ser, nenhuma delas me foi necessaria, afinal.
Existem muitas de mim que nunca conhecerei, mesmo sendo tão cotidianas..
Agora eu entendo muito de mim que nunca será revelado, pois nunca existiu
e os passos que quis dá, os anceios que me sopraram o peito, nada veio à tona hora alguma.
Já quase não se ouve falar delas - e nem de mim.
As vezes penso nunca ter existido, seria eu, um desvaneio qualquer?

paredes do quarto

To sentindo vontade de cair no mundo e viver situações,
eu meio que to cansada das paredes do meu quarto.

musicais

Eu preciso fazer uma confissão em pulbico: eu odeio musicais!
Sabe aqueles filmes que a pessoa está andando e começa a cantar e derrepente todo mundo que tá na rua começa a cantar junto com ela, fazendo coleografias ritmadas, como se tivessem ensaiado dias seguidos e depois continuam andando e o filme segue como se nada tivesse acontecido? Pois é! EU ODEIO! Nunca entendi a moral disso.

Rock´n Roll

Enfim chegou o dia que comemora-se mundialmente o glorioso Rock'n Roll!
Vou fazer uma coletanea simplificada da origem e dos grandes sucessos do rock internacional e nacional.


ORIGEM: Inovador e diferente de tudo que já tinha ocorrido na música,o rock surge nos USA, na década de 50. Ganhou a simpatia dos jovens que se indentificavam com o estilo 'rebelde' dos cantores e bandas. No ano de 1954 Bill Haley lançou o grande sucesso Shake, Rattle and Roll, mas foi apenas no ano seguinte que então surgiu o roqueiro de maior sucesso (da época) Elvis Presley, que veio a levar o titulo de Rei do Rock, unindo diversos ritmos como a country music e o rhythm & blues, com músicas de letras bem simples, com um ritmo dançante, sempre com o acompanhamento de guitarra eletrica, bateria e baixo.








DÉCADA DE 60 - rebeldia : Essa fase marca a entrada dos BEATLES no mundo do rock. Quem nunca ouviu falar no quarteto fantastico de liverpool? Os beatles ganharam o mundo e o sucesso só aumentava a cada ano dessa década. Em 1962 estouraram nas paradas da Europa e Estados Unidos com a música "love me do"(primeiro single da banda - escrita por Lenon e McCartney).



Graças aos grandes movimentos pacifistas e manifestações contra a Guerra do Vietnã, a decada de 60 ficou conhecida como ANOS REBELDES.
Para mim, esse foi a melhor época, de onde saiu os melhores nomes, como Bob dylan, The rolling stones, Jimi Hendrix , Janis Joplin, The who, Pink floyd, The doors...


Dica musical do dia : The Doors - Light My Fire










DÉCADA DE 70 - Pop rock,punk rock: Nessa época o rock ganhou uma cara mais popular devido o surgimento do disco e dos videoclips. Aqui começa a surgir uma batida mais pesada no cenário do rock, chegou a era do Heavy Metal , com bandas como Led Zeppelin, Black Sabbath e Deep Purple. Por outro lado surge uma batida mais dançante, a dance music desponta com os sucessos de Creedence Clearwater,Elton John e David Bowie.





DÉCADA DE 80- Variações no rock:
essa época foi marcada pela convivência de vários estilos de rock. O new wave faz sucesso no ritmo dançante de bandas como: The Clash, The Smith..
Também foi nessa época que rurgiu a MTV, que se dedicou à música e impulsionou ainda ainda mais o rock.
Começa a fazer sucesso a banda de rock irlandesa chamada U2 com letras de protesto e com forte caráter político. Seguindo um estilo pop e dançante, aparecem Michael Jackson (que vem a se tornar o rei do pop) e Madonna.




DÉCADA DE 90 - Fusões e experimentações : Esta década foi marcada por fusões de ritmos diferentes.Bandas como Red Hot Chili Peppers e Faith no More fundem o heavy metal e o funk. Nessa época também surgiu o movimento grunge em Seattle, na California. O grupo Nirvana, liderado por Kurt Cobain, é o maior representante deste novo estilo.
R.E.M , Pearl Jam e Alice In Chains também fazem sucesso no cenário grunge deste período.



ROCK NACIONAL: O primeiro sucesso do rock surgiu em 1960 e apareceu na voz de uma MULHER! sim, Celly Campello foi a gloriosa. Quem aqui nunca ouviu canções como:

"Tomo um banho de lua, fico branca como a neve
Se o luar é meu amigo, censurar ninguém se atreve
É tão bom sonhar contigo, oh! Luar tão cândido"

Banho de lua - Celly Campello.


ou então:

"Oh! oh! Cupido! Vê se deixa em paz
Meu coração que já não pode amar

Eu amei há Muito tempo atrás
Já cansei de tanto soluçar
(Oh! oh! Cupido!)"

Estúpido cupido - Celly Campello


Em meados desta mesma década, enfim surge a Jovem guarda! Com cantores como Roberto Carlos, Erasmo Carlos e Wanderléa. Assim a jovem guarda começa a fazer sucesso entre os jovens com suas musicas com letras romanticas e ritmos acelerados.
Na década de 70 surge Raul seixas, fazendo sucesso com músicas como: Óculos escuros, Metamorfose ambulante, Eu nasci a 10 mil anos atrás..

Na década seguinte, surgem bandas com temas mais urbanos e falando da vida cotidiana, como as bandas Ultraje a Rigor, Legião Urbana, Titãs, Barão Vermelho, Kid Abelha, Engenheiros do Hawaii, Blitz e Os Paralamas do Sucesso.
Em 1990 fazem sucesso no cenário do rock nacional: Raimundos, Charlie Brown Jr., Jota Quest, Pato Fu, Skank entre outros.
Em 2010 nascem bandas no cenário do rock como restart e cine (tá, esse fim foi uma piada)

12/07/2010

Comin' down on a glorious day



"Alguém me falou á muito tempo
que há uma calmaria antes da tempestade.
Eu sei; vem vindo a algum tempo.
"


Creedence Clearwater Revival - Have You Ever Seen The Rain?
saudades de quando tudo era tão mais simples..

femme fatale





Dica musical do dia:
The velvet underground - Femme fatale

11/07/2010

sousa despachante

O último post de hoje vai soar como uma espécie de desabafo..
talvez meu título não tenha nada haver com o que eu queira dizer, mas pouco importa.
Esse mês tem sido sufocante, infernal, desde o início nada tem dado certo. Não sei se é algum tipo de aviso, ou apenas a fase ruim de cada mês, a questão é que eu tenho estado em constantes conflitos comigo mesma, com você, com todo o resto também.
Hoje eu me vi presa em uma bad horrível, um mal estar do caralho, e nada relacionado a saúde, era o meu emocional destruído mesmo.
Não quero ser interpretada como depressiva ou critica obcessiva, mas a questão é: está tudo uma merda mesmo.
E quando eu digo tudo, eu não me refiro só a minha vida, eu me refiro a todo o resto do mundo... Tá tudo uma bagunça.
Ninguém respeita mais ninguém (se é que o ser humano já se respeitou algum dia), mas o mundo tem caminhado rumo ao declinio de forma mais agressiva, e o mais torturante de tudo é você perceber que não pode fazer nada pra que isso mude,e o pior, é chegar a conclusão de que você está ajudando a enfiar tudo no buraco.

O mais decepcionante de tudo é você perceber que você é apenas uma jovem, com 19 anos, que não tem nada (nem mesmo voz pra questionar, nem mesmo moral pra ser ouvida) nem mesmo um curso superior (por ter largado a faculdade) e ter que se conformar com o seu martírio interior.
Eu não to conformada, e se tudo continuar como é eu nunca irei me conformar.
É ridiculo você passar pelos lugares e as pessoas te olharem torto simplesmente pelo fato de você ser diferente deles (eu não entendo bem como funciona a mente do ser humano, mas como já disse Caetano Veloso em uma de suas musicas - é que narciso acha feio tudo que não é espelho), as pessoas não sabem conviver com as diferenças. É ridiculo ouvir da boca de uma pessoa que você é uma vagabunda, um moleque, sem nem ao menos te conhecerem, sem nem ao menos ouvirem o que você tem a dizer sobre tudo.
Tudo isso pelo modelo estereotipado de conduta que a sociedade te cobra.
O que é a porra de uma sociedade? esmagar uns aos outros se mascarando atrás de morais que nem se quer existem mais(por terem sido destruídas por nós mesmos)? isso não me entra na cabeça.
Se alguém entende como tudo isso funciona, me explica, porque eu estou completamente obicecada pela idéia de que o ser humano é o ser mais repugnante já existente na face da terra.

Agora a pouco eu estava sentada em uma calçada pensando em tudo, e me parei (mais uma vez) obcedaca pelas estrelas, é tudo tão bonito visto aqui de baixo. Elas estão lá apenas por estar,seguinto seu ciclo existencial, sem ter que seguir regras que um desconhecido criou, sem se preocuparem se estão sendo bonitas, nem siquer se importam se você as olha, sem ter que fazerem nada além de ser elas mesmas, sem ter que fazer nada a não ser agir por puro instinto.
É invejável..

At my most beautiful




"No meu momento mais bonito
Eu conto seus cílios, secretamente
A cada um, sussurro "eu te amo"
E deixo você dormir.
Eu sei que seus olhos fechados estão me observando,
ouvindo.
Pensei ter visto um sorriso
.."

R.E.M - at my most beautiful

velvet

adoro esse cover

imagine




"Imagine que não há paraíso,é fácil se você tentar
Nenhum inferno abaixo de nós,e acima de você apenas o céu
Imagine todas as pessoas vivendo para o hoje

Talvez você diga que eu sou um sonhador
Mas não sou o único
Desejo que um dia você se junte a nós
E o mundo, então, será como um só.."



John Lenon - imagine

10/07/2010

Strawberry Fields Forever

Faróis dianteiros

Poeta do ser e da linguagem



Praça dedicada ao poeta maranhense Nauro Machado, no centro histórico de São Luis.



"Meu corpo está completo, o homem – não o poeta.
Mas eu quero e é necessário
que me sofra e me solidifique em poeta,
que destrua desde já o supérfluo e o ilusório
e me alucine na essência de mim e das coisas,
para depois, feliz ou sofrido, mas verdadeiro,
trazer-me à tona do poema
com um grito de alarma e de alarde:
ser poeta é duro e dura
e consome toda
uma existência. "


(Parto - Nauro Machado)

Cavaleiro andante

por amor às causas perdidas..

escultura de Dom quixote no Museu de artes visuais do Reviver- São Luis



"Sonhar o sonho impossível,
Sofrer a angústia implacável,
Pisar onde os bravos não ousam,
Reparar o mal irreparável,
Amar um amor casto à distância,
Enfrentar o inimigo invencível,
Tentar quando as forças se esvaem,
Alcançar a estrela inatingível:
Essa é a minha busca."


(Dom Quixote)

07/07/2010

Porque metade de mim é amor e a outra metade... também.

Que a força do medo que tenho não me impeça de ver o que anseio.
Que a morte de tudo que acredito não me tape os ouvidos e a boca.
Porque metade de mim é o que eu grito, mas a outra metade é silêncio

náufrago

Não se pode mudar o rumo das coisas.
Como barco em meio ao mar que decide ir contra a tempestade,
qual é a hora de recuar?
As possibilidades são egoistas,
o sentimento é egoista,
a razão é egoista!
razão, emoção... nada disso faz sentido,
existe uma força que exige bem mais de você,
vai além do bem, além do mal...
existe uma força que te puxa pra trás sempre que tenta seguir,
um peso que te puxa pra baixo sempre que voce tenta subir...
São dificuldades que te fazem desistir,
são erros que te fazem crescer. e sofrer.
é a vida, enfim.
Cheia de altos e baixos,
quem é forte luta, os demais... escrevem no blog!

02/07/2010

Bon voyage

O que tem no fim da estrada?

01/07/2010

abre aspas

Então chego a conclusão de que somos fantoches de uma mesma peça

Fecha aspas.

30/06/2010

you're my lullaby



"nós sentamos na sua casa de árvore a vista do topo
a lua brilhando através de todas as saidas da árvore
eu chego mais perto e sussuro
nós podemos ficar aqui pra sempre?
aqui fora no seu jardim, só nós e a brisa do outono
.."

I'm ready - Chase Coy

Jailhouse rock

Elvis presley em vida já era uma lenda



O jovem que semeou a loucura e o sonho na mente e no coração da juventude de todo o mundo. Elvis é o legítimo herói da mitologia norte-americana de ontem e de hoje, e foi a inspiração de vários artistas de gerações posteriores.

29/06/2010

do stupid things faster with more energy





O café é tão grave, tão exclusivista, tão definitivo
que não admite acompanhamento sólido. Mas eu o driblo,
saboreando, junto com ele, o cheiro das torradas-na-manteiga
que alguém pediu na mesa próxima.


(Mario Quintana)

4 acordes do apocalipse

Deixo pra vocês uma dica de música pra curtir a bad



"Eu ouço em seu silêncio
Quando você não fala.
Existe um uma quieta chorosa raiva queimando dentro de você tão profundamente.
Eu te daria tudo,mas eu te daria problemas.
Então fique com quem você quiser
Está tudo bem pra mim..."


4 chords of the apocalypse - Julian Casablancas

Toque de veludo



Ainda seguindo a rota VITORIANA, deixo indicado esse filme pra vocês, ele é reproduzido em cenários da época vitoriana, o glamour do séc. XIX, a miséria e os seu vícios privados ao mesmo tempo em que se acompanha a uma história de amor entre duas mulheres. Trata-se de uma história sensual, impecável nos cenários vitorianos, a boemia londrina em 1890, as perversões e a luxúria.



Filme: Toque de veludo
Genero: Romance, drama.

28/06/2010

Era vitoriana

A aura de respeitabilidade da arte serve de biombo para a nudez escancarada



pintura de Gérôme, século XIX

25/06/2010

good luck little girl

Drinques pela metade sobre o sofá da sala,
na cama um corpo jogado a dias - nem siquer um movimento.
Na escrivaninha um papel amassado contendo três ou quatro linhas - um adeus.
Lá fora o sol brilhava. Sozinho.
De longe pude ver ela sair em seu salto cor de rosa,
que loucuras o mundo irá te oferecer agora?

The bottom of my heart


É a maneira como todas as canções de amor me fazem lembrar você...



Eu queria que você segurasse a minha mão quando eu estivesse chateada
Eu queria que você nunca esquecesse o meu olhar quando nos vimos pela primeira vez
Eu queria que tivesse uma marquinha na pele de que você gostasse secretamente
Porque estaria num lugar escondido onde ninguém poderia ver

Go to Neverland


Feliz um ano de morte! (?)
E com ele foi-se as dívidas e vieram os lucros, sorte dos administradores da sua herança né?
Com US$ 1 Bilhão no bolso em um ano, é pra se estar comemorando essa morte mesmo! hahaa

24/06/2010

esquizofrenia

O que é o futuro, se não o presente?

Flor bela!





Gosto de ti, ó chuva, nos beirados,
Dizendo coisas que ninguém entende!
Da tua cantinela se desprende
Um sonho de magia e de pecados.

Dos teus pálidos dedos delicados
Uma alada canção palpita e ascende,
Frases que a nossa boca nao aprende,
Murmúrios por caminhos desolados.

Pelo seu rosto branco, sempre frio,
Fazes passar o lúgubre arrepio
Das sensações estranhas, dolorosas...

Talvez um dia entenda o teu mistério...
Quando, inerte, na paz do cemitério,
O meu corpo matar a fome às rosas!

28/05/2010

Alt porn


um salve pro porno alternativo, que tem ganhado mais atenção nos ultimos anos!



o nú artistico underground tem a intenção de desfocar a visão pornografica pra um cenário mais alternativo, com garotas rockstars.
O site SuicideGirl.com é o maior site alt porn, é um site americano mas que tem influenciando muitas brasileiras a quererem se tornar suicide girls...
As suicide girls são garotas undergrounds, que usam piercings, tatuagens e outras modificações, são garotas cheias de sensualidade e atitude. As SG são lindas e extremamente sexys, e tem ganhando uma legião de fãns tanto no senario masculino como no feminino...

11/05/2010

Notas de uma dama apaixonada

Hoje faz um pouco mais de 4 meses que tudo começou,
estava em um daqueles dias normais quando o conheci, uma especie de aurea branca surgiu no céu, não sei exatamente descrever o acontecido, o que sei é que naquele dia me apaixonei.
Tudo bem, é meio louco estar apaixonada por um cara que você conheceu cerca de 30min atrás, pois bem, eu estava. E o mais bizarro (ou encantador) de tudo, é que nos conhecemos via internet, sem contato, sem olhares, apenas o amor fazendo seu trabalho.
Não precisamos de 24hrs pra perceber que queriamos um ao outro. - isso é assustador quando se olha de perto, acredite.
Eu não sabia o que fazer, mas fiz! Ou simplesmente deixei ser feito - digamos assim.
Nos apaixonamos, nos desejamos, criamos expectativas, suprimos as espectativas, e no dia 11, do mês primeiro, o mundo acabou, toquei o céu, tive um eclipse, ouve um clarão, morri, renasci,achei o motivo! tudo aconteceu, a vida aconteceu, quando senti o seu abraço pela primeira vez!

16/04/2010

A vida pode ser uma receita culinária.
E as vezes nos vemos diante de uma mesa farta,
Farta de receitas e ingredientes:
Uns vencidos, uns que nunca vencerão..
e uns que nem mesmo sabemos como usar.

mar que sou

As vezes me sinto como uma âncora que afunda no mar
no mar que sou:
Profundo. Por hora calmaria, noutra rebeldia.
Que abriga vidas, que abriga mistérios
Que abriga!
As vezes tudo que se precisa é de abrigo.

15/04/2010

memórias

Céu nublado, carros molhados, folhas balançando suavemente com o pequeno impulso do vento. Chove.
Estou sentada, não tão longe da chuva (mas o suficiente pra não me molhar).
Mesmo sem fechar os olhos consigo ver seu rosto atravez de minhas memorias..
olhos brilhando, sorriso transbordando amores, cá está você... dentro de mim.
Nossa música toca, hoje com bem mais significado do que no primeiro dia.
Engraçado como são as coisas do amor,
um dia pode significar anos... e ao mesmo tempo milésimos de segundos. O amor tem uma analogia cronologica engraçada. Difícil compreender, só amando pra saber.
Eu queria que meu amor pudesse ser fotografádo, pra que pudesse te mostrar em traços e cores impressas o sigificado da palavra " eu te amo " .

Você é tão meu, eu sou tão sua

Quero te embalar num doce sonho,
te levar para o mundo de meus encantos,
e no meio de meus cantos, quero que ouça o que não ouso dizer.
Ahh se eu pudesse! delicadamente te levaria para o lugar onde os amantes permanecem juntos, intactos.
Te embalaria num canto sutil, onde minhas palavras aconchegassem o seu dormir, e num impulso delicado repousar meus labios nos seus e esperar até que as horas passem e o relogio pare de rodar.

noutros mais

Hei de ser-te.
Não só hoje ou amanhã somente,
Hei de ser-te noutras vidas!

Hei de ser-te também noutros lugares,
noutros corpos, noutros tragos...
Hei de te ser noutro devir!

A vida é somente o começo.
esta vida, amor, nada é , senão o começo..

Não te quero para sempre,
por quê querer tão pouco assim?
quero além! noutras ressacas, noutros exagêros!
te quero no inexistente, no que não se diz.

E eu te serei e tu me serás
e não seremos nada além de nós...



03/03/2010

9:27

São 9:27 da manhã e eu não consigo pensar direito, pessoas se locomovem em direção a algum lugar que meus olhos não conseguem acompanhar.
As folhas tem um jeito gentil de dançar, de forma cincronizada e banal, eu não consigo entender o que elas querem dizer (se é que querem dizer algo).
O vento sopra fino, arranhando minha pele, sinto um frio na espinha e me encolho cá em mim, queria ter o poder de me dobrar em camadas,me guardar em um envelope e permanecer décadas escondida dentro de um livro(daqueles esquecidos, de preferencia).
Como sanar uma dor inconsciente? daquelas que você nem mesmo sabe porque doi?
Como evitar pensamentos ruins? eu só queria que esse embrulho estomacal parasse..
Tudo bem, eu admito minha fraqueza... finjo parecer forte porque me parece certo, mas a verdade é que tudo que eu queria era deitar no teu colo e chorar agarrada em suas pernas, segurando com tanta força, pra que você não pudesse fugir nunca do meu alcance..
Sem você eu me sinto uma garotinha que se perdeu dos pais, que não sabe pra onde ir ou porque ir, sem você os dias são vazios e sem sentido, as horas são infindas e meu medo me consome, medo de te perder, medo de não saber como seguir...
Eu não me lembro o momento exato que eu me tornei tão dependente assim, mas eu nao posso renegar meus sentimentos, admito ser uma dependente,
Dependente desse amor.
Nos seus braços eu sinto que posso tudo, sinto que posso ficar lá até que o chão se abra e o céu desabe.
Pra mim não existe céu ou inferno, existe ter ou não você..
Você é o caminho que eu quero seguir.
Toda vez que eu fecho os olhos, eu vejo nossas mãos entrelaçadas, é como se isso fosse o papel de parede do meu sub-consciente, eu e você juntos... o nosso amor.
Minhas memorias são tão vivas que eu consigo sentir o sabor de nossos corpos entrando em contato, eu consigo sentir o cheiro do seu olhar, a voz do seu sorriso...
Tudo é magia quando estamos juntos, e eu quero viver enfeitiçada a todo momento..
Te amo, essa é a única certeza que eu tenho no momento.

05/01/2010

amores

Gostaria de ressaltar algo sobre o amor, algo como sua essencia ou sua dor,
mas de mim fogem as palavras por não conhece-lo tão afundo,
de mim fogem as rimas e os versos mudos - eu que não sei nada, tão pouco sei (nunca saberei).
O que sei é que meus anos são poucos,
PRECISO DE MAIS! mais anos - (e amores).
No fim das contas é honesto admitir : Todo mundo precisa de amores!
amores cafagestes e amores boemios, amores avalassadores e amores doentios
tantos tipos de amores, tantos tipos de cios,
tem aqueles amores de verão e os que nunca morrerão,
tem amores carnais e amores espirituais,
sem contar nos amores fetichistas, - (que nem sempre são machistas).
Tem os amores platonicos e os afroditicos,
Tem amores idealistas e amores pacifistas.
Ah como tem amores!
Cada um a seu modo, cada um uma coisa rara,
Tantos tipos de amores, tantos tipos de taras..