Minha lista de blogs

17/06/2009

Amor que não ousa dizer o nome


Somos todos iguais e ao mesmo tempo cada um de nós é unico. O respeito à individualidade e aos direitos universais dos seres humanos tem sido objeto de movimentos politicos democraticáticos ao longo da história.
A entrada do século XX trouxe as descobertas cientificas da psicanálise de Freud que começam a questionar a suposta "anormalidade" do " amor que não ousa dizer o nome" .
Em Berlim dos anos 1920 havia razoável tolerancia, os jornais chegavam a anunciar bares e shows para rapazes e moças que amavam a seu modo.
Sabemos que os anos 60 foram uma década de vigoroso combate aos preconceitos de toda espécie. E que 1968 colocou a liberdade sexual na pauta das lutas politicas. Assim apareceram as primeiras manifestações em defesa dos homossexuais, que queriam não sofrer descriminações no trabalho ou no convivio social, como todos nós seres humanos temos direito.
Com o passar do tempo as reinvindicações ganharam grandes avanços como por exemplo o direito de adotar uma criança e de manifestar carinho em publico.
Com tudo, atualmente os homossexuais estão praticamento conseguindo " o seu lugar ao sol" sendo mais comum e aceito a cada dia.
Acredito que o amor não tem restrições nem fronteiras. Ja presenciei inumeros amigos vivendo amores entre iguais e pude ver o quanto isso pode ser sincenro, essencial e certo para eles, então percebi que não sou e nem somos ninguem para criticar a forma de amar dos outros, quando o amor encontra um corpo capaz de amar, ele não está preocupado em saber se você é cromossomo xx ou cromossomo xy, ele apenas se aloja.
E se amar é tão bom pra que perder tempo com discriminações e preconceitos? o amor é lindo, o mundo é lindo, eu sou linda, vamos todos nos amar e tudo vai ser lindo, haha.
Meus amiguinhos gays e minhas amiguinhas sapas, pode deixar que vou defender vocês todo dia toda hora, <3>

5 comentários:

  1. ameii *-*
    precoceito,acho que todos nós temos,mas quando você conhece,e começa amar alguem que é diferente de você,isso passa a não importar,preferencia sexual,nada mais é que uma escolha diferente,é como não gostar de vinagre na salada e preferir so ´limão (?)
    dsdguyassdgaduy

    ResponderExcluir
  2. uhsauhsauhsua *------* a gente sempre pensa igual neh best <3

    ResponderExcluir
  3. sai dai HDUEHUEHDE <3

    ResponderExcluir
  4. Adorei Teu blog, sinceramente, ele vai entrar na lista dos meus favoritos, e olha que eu sou exigente....

    Esse post superou os outros, Ahazou

    "Acredito que o amor não tem restrições nem fronteiras. Ja presenciei inumeros amigos vivendo amores entre iguais e pude ver o quanto isso pode ser sincenro, essencial e certo para eles, então percebi que não sou e nem somos ninguem para criticar a forma de amar dos outros, quando o amor encontra um corpo capaz de amar, ele não está preocupado em saber se você é cromossomo xx ou cromossomo xy, ele apenas se aloja."

    Parabéns pelo Blog...

    Sucesso!!!!

    ResponderExcluir